terça-feira, junho 26, 2007

Sopro



Fiquei entre margens.
No momento ficou só
a vontade de ter mais
tempestade entre miragens.

Mas perto era a presença
da chama que em brisa espera.
Má sorte, fortuna ou doença!
O sopro da vida ... quem dera!

Um comentário:

jj disse...

Sopro... do coração?

Jinhos.